Projeto e sistema social, temas da reunião entre presidentes do Lions, Prefeito Alexandre, Dom Paulo e convidados

O Lions Clube, através de dois de seus presidentes em Franca, Adriano Migano Teixeira (também representando a Eddydata) e Antonio Mauro Alves, apresentaram na manhã de sábado (24), no Centro Diocesano de Pastoral, o projeto social de assistência a famílias carentes elaborado pela entidade, o Ação Solidária para a Diminuição da Fome. O projeto propõe a doação de cestas básicas através de diferentes formas de contribuição como pela loja, por depósito ou whatsapp.

Com o intuito de ampliar a discussão sobre o assunto, a reunião organizada por Pe Ferdinando Rúbio (Pastoral da Comunicação) teve como convidados Dom Paulo Roberto Beloto, bispo diocesano; Alexandre Ferreira, Prefeito Municipal; os representantes da Cáritas diocesana – Mirian Andrade e Diácono João César Martini, Guimarães (Domingo Fraterno da Catedral), Dr. Marcelo Silveira (do setor jurídico da diocese).

Após a oração inicial realizada por Dom Paulo,  Pe Ferdinando lembrou que desde a atualização do Portal de Comunicação da diocese em 2019, foi disponibilizado um software - sistema social - pela Eddydata (empresa de tecnologia), que viabiliza o cadastramento de famílias assistidas pelas paróquias da diocese. O sistema também possibilita o cruzamento de informações, evitando que as pessoas busquem ajuda de maneira indevida. Idealizado anteriormente, por falta de liderança representativa e de gestores do sistema, ele acabou não sendo executado até então. Mediante o projeto apresentado pelo Lions Franca e as tecnologias que a diocese possui hoje, ele se torna possível.

Desta forma, Adriano e Antônio Mauro apontaram caminhos para encaminhar o projeto. Adriano expôs como funciona e que o cadastro busca integrar, através de um banco de dados, com toda a privacidade devida, todas as instituições do município e Prefeitura, em vistas de dar o devido respaldo às famílias carentes. É importante salientar que nenhuma instituição teria acesso (e nem poderia!) ao cadastro das outras. A princípio esse sistema seria gerenciado pelo Lions, mas a intenção é que a Prefeitura Municipal possa abraçar o projeto e assumi-lo, como órgão público. A diocese entraria na participação, cadastrando os Domingos Fraternos e FACs (Fraterno Auxílio Cristão),  disponibilizando o sistema para que a Prefeitura possa utilizá-lo.

O prefeito Alexandre Ferreira, fez algumas observações e apresentou como o trabalho é realizado na Prefeitura de Franca. Apresentou sugestões e mostrou-se aberto à entreajuda. Também os demais participantes levantaram questionamentos e apontaram possíveis encaminhamentos.

Em breve voltaremos ao assunto, apresentando maiores detalhes do projeto proposto.

A discussão continua nesta 3ª feira, com a apresentação da proposta no plenário da Câmara dos Vereadores.

Ver Álbum